top of page

PROGRAMA DE RESIDENCIA

 

Descrição / Origem e contexto carnaval

Panamérica Transatlântica é um projeto coletivo internacional que trabalha arte e Carnaval e que desde 2023 realiza sua residência artística na galeria de intervenções em arte e cultura Tropigalpão no Rio de Janeiro, Brasil.

Panamérica Transatlântica é um Bloco de carnaval criado pelo coletivo La Centrale 22, cujos artistas vêm anualmente da França, do Chile e de outros países para realizar sua residência de pesquisa artística e carnavalesca no Brasil, que resulta num desfile de carnaval nas ruas do Rio de Janeiro.

Nasce em 4 de março de 2019 no Rio de Janeiro, Brasil, convocando a se unir e atuar juntos diante de um momento político alarmante. Um chamado para criar laços e afinidades dentro de uma expressão cultural comum.

Nos últimos dois anos mobilizou dezenas de artistas em suas residências de arte colaborativa e um grande público nas ruas do Rio.

A proposta da Panamérica Transatlântica é trabalhar no formato dos grupos de carnaval de rua (Blocos de Rua) do Rio de Janeiro. Um Bloco é um grupo de pessoas que organiza desfiles nas ruas, bairros e locais populares da cidade.

A ideia é trabalhar neste formato de maneira política, consciente, compreendendo que a festa se prolonga muito além dos dias de carnaval. Em resumo, viver a festa popular como potência política, como intervenção urbana, ação criativa e social.

Estrutura Residência artística

A residência propõe e facilita aos artistas residentes principalmente três instâncias:

Estudar e conectar-se ativamente com o intrincado fenômeno da festa do Rio de Janeiro mediante uma imersão guiada em atividades próprias do carnaval: Participação em ensaios e apresentações de outros grupos, coletivos e escolas. Visitas a oficinas de artistas, museus e cerimônias religiosas.

Participar de práticas artísticas de um evento social e estético único. Experimentar metodologias criativas e elaborar propostas materiais em tempo e espaço significativo e adequado para o trabalho artístico.

Promover redes afetivas e profissionais entre artistas e instituições que se projetam em futuros projetos internacionais e em novas versões desta residência.

"Claro o Enredo"

Baseado na gramática e no imaginário das escolas de samba e adaptado à escala de um Bloco, a Sinopse é um texto que se elabora anualmente na qual se concentra a proposta temática — o enredo — que inspirará o processo criativo, sonoro (o samba-enredo), performático e visual com o qual se pretende intervir o espaço público. Em resumo, enredo, sinopse, samba-enredo e proposta carnavalesca são a coluna conceitual da qual se trabalha em residência e cuja texto refeêrencia, a sinopse, é partilhada com antecedência com todos os participantes.

"Jogo de Pista"

O principal espaço que reúne os artistas residentes é o barracão, ou ateliê de carnaval, onde se experimenta e processa criativamente os conceitos e temáticas propostas no Enredo. "Jogo de pista" é um laboratório de criação coletivo e de concentração onde os residentes desenvolvem um processo de experimentação criativa de aproximadamente uma semana antes da fase de produção. Tem um caráter poético, performático e de jogo, com a intenção de convocar novas relações criativas que a sinopse não define. Em analogia a um jogo de mesa, elaboram-se estratégias artísticas para a experiência corporal numa pista de movimentos, como se se tratasse da rua.

Criação / Produção

Esta etapa da residência materializa as idéias, os elementos a produzir materialmente e as equipes de trabalho especializadas. A partir dos "Jogos de Pista", se mesclam as idéias em relação às necessidades próprias de um desfile e se define uma lista de criações que é produzida por grupos de residentes junto a artistas colaboradores. Esta lista inclui diversas linguagens, meios e suportes que nos últimos anos se concentraram tecnicamente nas áreas de texto, costura, estampas, adereços corpóreos e aéreos. O trabalho é aberto e receptivo às especialidades e linguagens de cada artista residente.

Exposição

O trabalho da Oficina-barracão é exposto publicamente no espaço, em paralelo ao ensaio geral da bateria. Esta atividade é fundamental, tanto para difundir o trabalho dos residentes como para compartilhar as poéticas do desfile com os músicos e com o público participante. Este evento inclui também a abertura da Oficina-barracão para socializar os processos criativos que se confabularam durante quase um mês de residência.

Intervenção artística

A intervenção do Bloco se realiza como um desfile no bairro da Gamboa, zona portuária da cidade. O bloco se concentra e parte da praça da Harmonia, espaço carregado simbolicamente por sua história escravista e bairro em atual processo de gentrificação. A intervenção tem uma duração aproximada de oito horas, incluindo a concentração e o trajeto do desfile. Nos últimos dois anos participaram aproximadamente 2000 pessoas nas saídas do Bloco que começa a ter reconhecimento na cidade.

Difusão

Artistas residentes também producem os cartais de difusão realizados com cuidado artesanal….

 

Programa de intercâmbio

- Workshop, palestras e seminários

- Lançamento de livros e audiovisuais

- Apresentação artistas residentes

- Ensaios Blocos,

- Barracões e quadras de Escolas de Samba  

- Ensaios técnicos Sambódromo

- Visitas a exposições, galerias e museus

- Encontros com artistas

bottom of page